SINPOSPETRO-RJ é o maior sindicato dos frentistas do país


A inauguração da sede própria da Federação Nacional dos Frentistas (FENEPOSPETRO), em Vila Mariana, São Paulo, no último sábado, 7 de maio, representa um marco para categoria. O presidente do SINPOSPETRO-RJ, Eusébio Pinto Neto e a diretoria do sindicato prestigiaram esse momento histórico para os frentistas, que na década de 90 viviam  esquecidos.

Além do Rio de Janeiro, estiveram presentes ao evento representantes de mais de 50 sindicatos e federações dos frentistas em todo país. Em seu discurso, o presidente do SINPOSPETRO, Eusébio Neto, que é secretário de Formação Sindical, Esporte, Educação e Cultura da Fenepospetro, destacou a trajetória  de luta da Federação e a importância da entidade para a libertação dos trabalhadores dos postos de combustíveis. Eusébio relembrou o momento em que recebeu a carta sindical da FENEPOSPETRO, há 20 anos, e o quanto a categoria caminhou. Ele frisou também a importância da qualificação da mão-de-obra.

Em seu discurso, O presidente da FENEPOSPETRO, Antônio Porcino, destacou o trabalho desenvolvido por Eusébio Neto por todo o país para libertar os frentistas dos sindicatos escravocratas. Segundo Porcino, o SINPOSPETRO-RJ é o maior sindicato dos frentistas do país. Ele fez questão de dizer que Eusébio não mede esforços em sua luta de conscientização política dos trabalhadores desenvolvendo um trabalho do Oiapoque ao Chuí. De acordo com Porcino, o presidente do SINPOSPETRO foi fundamental na libertação dos frentistas: da Bahia, Sergipe e Alagoas.

 

 
ZFX© 1999-2013. Soluções em Tecnologia & Treinamento.